terça-feira, 10 de janeiro de 2017

O Quê Realmente Importa



Stephen Witmer


A maioria das pessoas viveu em 2016 para agradar os outros. Nós desperdiçamos muito de nosso intelecto, energia e paixão correndo atrás do elogio de outras pessoas. O fruto amargo que colhemos foi o orgulho ao sermos bem-sucedidos, o desespero ao falharmos e a inveja ao sermos superados por outras pessoas.

Nós sabemos que não queremos viver desta maneira em 2017, mas nos sentimos presos e incertos de como poderemos vencer esta inclinação egoísta e superficial do nosso coração.

Richard Baxter pode nos ajudar. Baxter foi um pastor e autor puritano que escreveu mais de 140 livros durante sua vida. O Diretório Cristão, de sua autoria, contém mais de um milhão de palavras.

Cerca de cem palavras desta obra têm permanecido em minha mente por vários anos, me desafiando a rejeitar a superficialidade de meu próprio coração e a mergulhar fundo naquilo que realmente importa. Baxter escreve com o linguajar do século XVII, sendo assim, “judiciosamente” significa “acertadamente,” e “liberal” significa “generoso”. As palavras podem parecer antiquadas, mas o significado é extremamente relevante:

Estude primeiramente para ser o que você (judiciosamente) deseja aparentar. Deseje mil vezes ser mais santo, do que parecer ser santo; e deseje ser liberal, mais do que você deseja que as pessoas pensem que você é liberal; e deseje ser inculpável de qualquer pecado secreto ou deliberado, mais do que você deseja ser visto como inocente. Quando você sentir o desejo de ser considerado bom, que isto o faça pensar que é bem mais necessário e desejável que você seja realmente bom. Ser santo é ser um herdeiro dos céus: sua salvação é subsequente. Mas parecer santo não te produzirá muito lucro. (Diretório Cristão, Parte 1, Capítulo 4, parte 3)

Aparência e Realidade

As palavras de Baxter expõem a superficialidade de minha alma. Com bastante frequência, eu prefiro mais a aparência a realidade. Eu já me importei mais com o que os outros viram do que com o que eu sou.

David Brooks, em seu comovente e importante livro O Caminho para o Caráter, faz a distinção entre as virtudes de currículo (as habilidades que contribuem para o sucesso exterior) e as virtudes de elogio fúnebre (aquelas que se encontram no âmago de nosso ser). Ele faz a seguinte confissão:

A maioria das pessoas diria que as virtudes de elogio fúnebre são mais importantes do que as virtudes de currículo, mas eu confesso que por grandes períodos em minha vida eu fui consumido pelo pensamento das virtudes de currículo mais do que as de elogio fúnebre... A maioria das pessoas tem estratégias mais bem definidas de como obter o sucesso na carreira do que de como desenvolver um caráter profundo. (tradução livre)

O conselho de Baxter é um espelho que reflete nossa superficialidade. É um estímulo, nos incitando a buscarmos a profundidade. “Estude primeiramente para ser o que você (judiciosamente) deseja aparentar.” A palavra judiciosamente é uma ressalva. Baxter não recomenda que nos esforcemos para alcançar tudo aquilo que desejamos aparentar, mas aquilo que com sabedoria desejamos aparentar. O desejo de parecer rico aos olhos dos outros não deveria me motivar a correr atrás de riqueza, ao contrário, deveria me motivar a arrepender-me. Porém, e o meu desejo de parecer misericordioso, bondoso, sábio, justo e generoso?

Que Isto o Faça Pensar

O motivo que as palavras de Baxter me ajudaram e encorajaram (além de me convencerem do pecado) é a seguinte descoberta: meu desejo de aparentar algo pode servir como um trampolim para uma aspiração muito mais importante de ser. “Quando você sentir o desejo de ser considerado bom, que isto o faça pensar que é bem mais necessário e desejável que você seja realmente bom.”

Que isto o faça pensar... Você sente a necessidade de contar a um amigo que você está lendo As Institutas de Calvino? Que isto seja um lembrete para que você estude esta obra com intensidade e beneficie sua alma imensamente mais! O que é mais benéfico: que os outros pensem que eu leia obras profundas ou que eu seja uma pessoa que realmente lê obras profundas? O que me prepara melhor para o céu: o número de repostagens de minhas frases sobre Cristo ou a visão renovada que Ele me concede de Sua glória?

A realidade é infinitamente mais preciosa do que a aparência, e Baxter insiste para permitirmos que nosso desejo pela aparência de algo bom nos lembre do incomparável valor da realidade que ela representa. Que isto o faça pensar... Baxter nos incita a pensar na vaidade e brevidade dos elogios dos outros, e a pensar na alegria concreta de um bom caráter e de um futuro seguro no céu.

O Quê Realmente Importa

Se seu coração está inclinado à reputação mais do que à realidade, inclinado ao aplauso mais do que ao conteúdo, o livro Memórias de um Pastor Comum,  do autor D.A. Carson, pode ser o livro mais importante que você lerá em 2017. É a história do pai dele, Tom Carson, um pastor canadense do século XX, sem fama alguma, que ministrou humildemente por quase seis décadas.

Poucos conheciam seu nome, mas Tom Carson era um leitor voraz, que ministrou profundamente, cuidou de sua esposa, pastoreou seus filhos, estudou as línguas originais da Bíblia e memorizou a Palavra de Deus. Mais importante, ele teve uma experiência vibrante e profunda com Deus e com o evangelho até o dia de sua morte. Ele viveu para o que era realmente importante, conheceu uma alegria real e robusta em meio ao sofrimento e agora está no céu. Em vista disso, quem se importa se ele escreveu um livro ou tornou-se um conferencista de renome?

Baxter nos adverte: “Nossos corações são naturalmente tão egoístas e enganosos que precisamos observá-los cuidadosamente para não ocuparmos intencionalmente o centro das atenções, enquanto apenas aparentamos estar buscando a Deus.” Nós estamos apenas aparentando ou buscando realmente a Deus? Isto será uma batalha. Mas entremos nesta batalha em 2017 com um desejo intenso de glorificar a Deus e buscar aquilo que realmente importa.


©2017 Desiring God Foundation. 
www.desiringGod.org (website em inglês com alguns recursos em português).
http://www.desiringgod.org/articles/what-really-matters-in-2017 (texto original em inglês).

Traduzido com permissão.